Ads Top

Chá de Erva Cidreira Emagrece Mesmo?

Chá de erva cidreira

Há quem diga que o chá de erva cidreira emagrece. Veja a seguir se isso é verdade mesmo, de que forma ele pode ajudar na sua perda de peso e alguns cuidados para consumo.

Depois que encontrar a resposta para essa pergunta, aproveite para saber mais sobre essa bebida à base da planta e conhecer os benefícios associados ao chá de erva cidreira, além de conhecer as melhores opções de chá emagrecedores para perder barriga.

Sobre a erva cidreira

A erva cidreira (Melissa officinalis) é uma planta que faz parte da família Lamiceae. Ela, que também pode ser chamada pelos nomes de melissa e melissa verdadeira, é originária da região que circunda o Mediterrâneo e a Ásia.

Dona de folhas de coloração verde, que apresentam um leve aroma de limão, a planta pode atingir entre 20 cm a 80 cm de altura e apresenta caules ramificados a partir da base. Quando dá flores, essas são brancas ou amareladas, mas podem ficar rosadas com o passar do tempo.

E então, será que o chá de erva cidreira emagrece mesmo?

Um argumento que pode ser utilizado contra a ideia de que o chá de erva cidreira emagrece é que um dos efeitos colaterais que a planta pode provocar é a elevação do apetite, algo que não é exatamente ideal para quem deseja perder peso, não é mesmo? Entretanto, as reações adversas da planta costumam ser leves.

Por outro lado, a erva cidreira é possivelmente efetiva para lidar com o estresse. Pesquisas iniciais mostraram que uma única dose de erva cidreira aumentaram a calma e o alerta nos adultos que passavam por estresse mental.

Outro estudo inicial que apontou que adicionar a erva cidreira a uma comida ou bebida diminui a ansiedade e melhora a memória e o alerta durante um teste mental.  Entretanto, embora a ingestão de erva cidreira ao lado de outros ingredientes em doses baixas pareça reduzir a ansiedade durante estresse psicológico em laboratório, ingerir a combinação em doses maiores parece piorar a ansiedade induzida pelo estresse.

No mesmo sentido, um estudo do ano de 2004, de autoria de um pesquisador do Reino Unido ao lado de outros dois colegas, indicou que a erva cidreira amenizou os efeitos negativos do humor oriundos do estresse psicológico induzido em laboratório.

De acordo com a publicação, os participantes que usaram a erva cidreira afirmaram terem experimentado um aumento na sensação de calma e uma diminuição na sensação de alerta. No entanto, como o experimento foi de porte pequeno, com somente 18 participantes, são necessárias mais pesquisas sobre os efeitos da erva cidreira em relação ao estresse.

Mas o que o possível efeito da erva cidreira em relação ao estresse tem a ver com o emagrecimento? É que em um momento de estresse, uma das válvulas de escape de uma pessoa pode ser justamente a comilança desenfreada de itens cheios de calorias, açúcares e gorduras ruins como doces, frituras e sanduíches de fast-food, por exemplo, para se sentir melhor.

Com isso, ao ficar mais calma e menos estressada, a pessoa pode dar conta de controlar melhor o desejo por essas comidas e dizer não à tentação de comer além da conta.

Dito isso, é nosso dever ressaltar aqui que quem já percebeu que sofre com os sintomas da ansiedade e/ou do estresse exacerbado não deve se limitar ao uso dos chás calmantes, mas necessita procurar um psicólogo para ter o seu caso avaliado, o seu diagnóstico estabelecido e saber qual tratamento completo é o mais indicado para o seu quadro em particular.

Quando se trata de emagrecimento

É sempre importante lembrar que não existe uma bebida mágica ou milagrosa para emagrecer. Portanto, mesmo que você tenha escutado de algumas pessoas que o chá de erva cidreira emagrece, sozinho ele não pode fazer ninguém perder peso.

Para emagrecer, é necessário cuidar bem da dieta, de modo que a alimentação seja saudável, controlada, nutritiva e equilibrada. Quem tem dificuldades em seguir esse tipo de regime ganha muito ao contar com o acompanhamento de um nutricionista, que saberá indicar um regime que se encaixe na sua rotina e auxilie a alcançar os objetivos, ao mesmo tempo em que fornece a energia e os nutrientes que o organismo exige para funcionar apropriadamente.

Praticar atividades físicas com frequência também contribui com a perda de peso, uma vez que os exercícios maximizam a queima de calorias por parte do corpo. Entretanto, para que sejam não somente eficientes como também seguros, é necessários que os treinamentos aconteçam sob a supervisão de um educador físico.

Cuidados com a erva cidreira

A erva cidreira pode provocar efeitos colaterais como náusea, vômito, dor abdominal, tontura, chiado no peito, sonolência e hipotensão (pressão baixa), especialmente em dosagens elevadas. Já a aplicação tópica da planta pode causar irritação na pele e o aumento dos sintomas da afta.

Caso experimente alguma reação adversa ao tomar o chá de erva cidreira, procure rapidamente o auxílio médico, mesmo que não imagine se tratar de um problema tão grave assim. Isso é necessário para descobrir a real seriedade do efeito colateral, receber o tratamento apropriado e saber se pode continuar ou não a consumir a bebida.

A planta é contraindicada para as mulheres grávidas, mulheres que amamentam e pessoas que sofrem com problemas na tireoide. Além disso, a utilização da erva cidreira exige cuidados por parte dos pacientes diabéticos.

O uso da planta deve ser interrompido no mínimo duas semanas antes da data marcada para a realização de um procedimento cirúrgico porque ela pode provocar muita sonolência ao ser usada junto com medicamentos utilizados durante e depois de uma cirurgia.

Antes de começar a tomar o chá de erva cidreira para emagrecer ou qualquer outra finalidade, é aconselhável consultar o médico para checar se a bebida não pode fazer mal e aprender como usá-la com segurança – em qual dosagem e frequência e por quanto tempo no máximo.

A erva cidreira é considerada provavelmente segura em quantidades alimentares e possivelmente segura em quantidades medicinais em curto prazo. Não se sabe a respeito da segurança do uso da planta em longo prazo.

Essa consulta ao médico antes de começar a usar a erva cidreira é necessária para todas as pessoas, porém é especialmente importante em casos de crianças, adolescentes, idosos e pessoas que sofrem com alguma doença ou condição específica de saúde.

Quem faz uso de algum medicamento, suplemento ou outra planta também precisa conversar com o médico antes de começar a usar a erva cidreira para saber se não pode fazer mal utilizar ambos ao mesmo tempo.

Jamais substitua um tratamento recomendado pelo médico apenas pelo consumo do chá de erva cidreira porque isso pode ser bastante perigoso para a sua saúde.

Fontes e Referências Adicionais:

Você já tinha ouvido falar que o chá de erva cidreira emagrece? Pretende experimentar e incluir na sua dieta? Comente abaixo!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.